Duchas Higiênicas

Para evitar surpresas, tenha sempre a mão um dispositivo de higienização íntima.
Afinal, você nunca sabe onde se esconde o prazer, nem quando ele vai aparecer.

Existem 14 produtos

Exibindo 1 - 14 de 14 item(s)

GUIA DA CHUCA

GUIA DE COMPRAS DE DUCHAS ANAIS E DICAS DE USO PARA MARINHEIROS DE PRIMEIRA VIAGEM

Tomar um banho de manhã faz você começar bem o dia. Quando você quer se preparar para o sexo anal, também tem que tomar outro tipo de banho para ficar bem. E você tem que fazer isso para evitar acidentes que podem desanimar seu parceiro no auge da brincadeira. Acredite, nada é tão eficiente para apagar o fogo da paixão quanto uma catástrofe dessa natureza. Você tem que ter certeza de que está com o "sistema" inteiramente limpo para que as deliciosas brincadeiras se repitam em outras oportunidades.

Nossa seleção de Duchas Anais vai te ajudar muito nessa tarefa de deixar o reto no meio da reta (rsrsrs). Por isso, vá em frente e escolha a ferramenta mais apropriada para essa missão.

Como Usar A Ducha Anal: Um Guia Rápido Para Novatos

Com certeza você já ouviu os termos DUCHA ÍNTIMA ou CHUCA antes. Contudo, se você nunca utilizou uma, provavelmente não sabe exatamente o que fazer. E mesmo que já tenha ouvido é possível que pense se tratar de algo relacionado com ducha vaginal.

Muita gente não sabe que a ducha pode ser feita também na porta dos fundos.
Apesar de a ducha ser muito popular no mundo masculino da população gay, mulheres que curtem o sexo anal também utlizam a ducha com frequencia.

Neste artigo vamos guiar você através da limpeza anal com duchas e explicar o que você precisa pra fazer isso com excelência.

O que é a limpeza com ducha?

Normalmente, duchas anais são usadas para limpar o reto e o colon, antes dos encontros sexuais. É similar à ducha vaginal, exceto, como o próprio nome diz, pelo fato de que são usadas de forma anal. As pessoas as utlizam geralmente para evitar surpresas e acidentes, durante o sexo, removendo as fezes e outros elementos desagradáveis que costumam se esconder no colon. 

Ninguém quer arruinar sua noite por causa de uma catástrofe anal, bem no meio da brincadeira.
Então como se faz uma limpeza com ducha anal? Simplesmente introduzindo através do ânus, água corrente com uma ducha e posteriormente, expelindo a água para fora. Isso vai retirar qualquer matéria fecal e resíduos indesejados que possam estar alojados lá dentro.
Algumas pessoas precisam apenas de um banho para se preparar para o sexo anal. Outras precisam de algo mais..
Uma ducha anal vai deixar você livre de preocupações durante o ato e vai garantir uma noite maravilhosa com o seu parceiro. Para algumas pessoas, a ducha é a mesma coisa que o enema, mas existem algumas diferenças básicas entre essas duas técnicas de limpeza do cólon…

Enemas vs. Duchas Anais

Os dois termos são usados como sinônimos mas, confie em nós, elas não são a mesma coisa. Enema é uma limpeza profunda que pode ser feita por motivos de saúde ou para preparar uma pessoa para algum procedimento médico. Por outro lado, as pessoas usam a ducha para o preparo para o sexo anal.

Alem disso, enemas também são usados para amolecer o bolo fecal e aliviar as dores da constipação e os sintomas da prisão de ventre. Os dispositivos para enema são geralmente maiores, tem um tubo e um saco para colocar a água.

Agora que você já sabe a diferença entre os dois, vamos continuar e ver se você precisa ou não de uma ducha anal...

Por Que Fazer Uma Ducha Anal?

Se você fizer uma pequena pesquisa na internet, você verá que a Ducha Anal tem um verdadeiro fã clube. Mas tem também quem é do contra. E o principal argumento dos opositores à duchinha é que o corpo sabe cuidar de si mesmo. Então, se você é um adulto saudável, que come de forma saudável, seu corpo se encarregaria sozinho, de excretar e eliminar completamente toda e qualquer materia fecal acumulada.

Isso te obriga a cuidar estritamente da sua dieta. Se sua ingestão de fibras naquele mes não for suficiente ou se você comer um monte de coisinhas gordurosas naquele dia, os movimentos do seu intestino vão se acelerar. Isso, obviamente, vai aumentar o risco de acidentes durante o sexo anal. Perigo à vista.

Portanto, além de melhorar sua dieta, uma ducha anal seria uma boa solução pra você numa situação dessas. E mais, a duchinha vai ajudar fisicamente e PSICOLOGICAMENTE também, tirando o seu receio de que ocorra um acidente e reduzindo o seu nivel de stress. Resultado: seu parceiro vai curtir mais ainda, pois estará com alguem que está muito seguro e tranqüilo.

A Ducha Anal É Um Procedimento Seguro?

Essa é mais uma questão que as pessoas tem e que rondam esse assunto permanentemente. Sabidamente, a ducha anal pode causar problemas quando não é feita da forma correta. Por exemplo, ela pode remover o revestimento mucoso que protege a superfície do seu ânus de contrair infecções. Removendo a mucosa você se abre para a entrada de uma série de infecções e DST's. 

Algumas pessoas também se machucam durante o procedimento com a duchinha. Quase sempre devido a dois fatores: falta de atenção e equipamento de baixa qualidade (duchinhas baratas etc.). 

Quando é feita corretamente, a ducha anal é mais que segura. Só precisa ter cuidado e atenção. Você deve ter uma ducha anal apropriada, de boa qualidade. No entanto, não importa quanto você pagou por ela, deve assegurar-se de que a ponta dela está em boas condições, ou seja, bem lisa e arredondada, antes de inseri-la no ânus.É bom também ter à mão um pouco de lubrificante, só para tornar as coisas mais fáceis. 

Outro problema potencial é o uso excessivo da ducha anal. Não vamos aqui lhe dizer como deve conduzir a sua vida nem quantas vezes você deve praticar o sexo anal, mas você tem que estar ciente que o uso excessivo da ducha anal pode acarretar alguns problemas. Assaduras e ferimentos no seu tecido anal são apenas alguns deles Em alguns casos isso pode afetar seu sistema digestivo, bem como o respectivo processo de eliminação dos dejetos. 

No fim das contas, tudo depende de você. Se você ler o manual com cuidado e se ativer às instruções, vai conseguir fazer tudo sem se prejudicar. Agora, vamos falar dos diferentes tipos de duchas...

Os Diferentes Tipos De Duchas Anais

Como você já deve saber, existem uns poucos modelos diferentes de duchas anais. E apesar delas realizarem a mesma tarefa, elas não funcionam exatamente da mesma maneira.

Antes de continuarmos com nossa lista, vamos lembrar que você é um(a) iniciante. Certo? Assim, vamos recomendar o uso da ducha com pera e mangueira, pela sua facilidade de uso.

Assim que você for ganhando experiência no processo como um todo, você poderá começar a experimentar a ducha anal que quiser.

Ducha Anal de Pera

Já dissemos que esta ducha é mais fácil de usar, mas também devemos mencionar que é a mais barata de todas. Portanto, se tiver problema com a primeira ducha anal que adquirir, você compra outro modelo e pronto. 

Ela tem duas partes distintas. A Pera, que armazena água e o bocal que lhe permite inserir a água no seu reto. Elas vêm separadas e você terá que junta-las. 

Dependendo de quanta água você usar, você nem precisa entrar no chuveiro para removê-la. Simplesmente sente-se na privada e esvazie o cólon. O único problema com esse modelo é algumas vem com um bocal curto, impedindo você de fazer uma limpeza mais profunda. 

Mas se esse for o problema, você pode adquirir uma com bocal mais comprido. Só tome cuidado para não ferir o seu reto. Quando for comprar uma ducha anal tenha em mente duas coisas:

1. PRESTE ATENÇÃO AO TIPO DE SPRAY

Bocais vêm em diferentes tipos e tamanhos, o que fatalmente afeta o tipo de spray que eles vão produzir. Em geral o tipo de spray pode ser mais aberto ou mais fechado. O último só joga água numa direção enquanto o outro permite que você faça uma limpeza um pouco mais eficiente

2. ESCOLHA O BOCAL CUIDADOSAMENTE

Existem três tipos de bocais que você deve conhecer: ondulado, ranhurado e liso. Os não lisos tem a função de proporcionar algum tipo de prazer. Os iniciantes normalmente se sentem desconfortáveis com os não lisos, por isso, se o único objetivo é a limpeza, opte por um velho tradicional bocal liso.

Kit De Ducha Para Chuveiro

Esse tipo de ducha só é recomendado para quem já está acostumado com o uso de duchas anais por requerer uma certa experiência. Carrega alguma semelhança com a ducha do tipo bulbo mas também possui algumas diferenças importantes. Esse modelo precisa ser acoplado num chuveiro de verdade para funcionar. Você pode usá-la para efetuar uma "lavagem" profunda sem precisar adquirir nenhum acessório extra.

Apesar dos seus benefícios existem algumas desvantagens desse modelo. Mesmo que já tenha usado uma ducha anal no passado, você deve ter cuidado quando for usar uma destas. A alta pressão da água tem o potencial de causar algum dano aos seus orgãos. Alguns modelos permitem controlar a presssão da água, por isso se quiser utilizar uma ducha acoplada, utilize uma que tenha esse importante recurso.

Bolsa Para Enema

A bolsa para enema lembra um pouco o soro do paciente numa cama de hospital. Ou seja, é uma bolsa de água com uma mangueira com bocal.

Você se lembra que dissemos que ducha e enema não são a mesma coisa? Pois bem, a bolsa para Enema é cruzamento híbrido das duas.

Ela precisa ser pendurada, semelhante a um frasco de soro e precisa ser acoplada ao seu chuveiro, que vai alimentar o fluxo de água.

A água escorre pelo tubo graças a gravidade, o que vai lhe dar mais controle sobre a pressão de água. A maioria dos modelos é destacável, assim, se você quiser usar a ducha desse kit, você pode retirá-la e levá-la à uma viagem de férias, se quiser.

Esses são os modelos de ducha anais mais comuns. Existem outros tipos por aí, mas não vamos encher este artigo com excesso de informação pra você não se confundir. De novo, o modelo de pera com mangueira é recomendável para iniciantes, por isso, começe com uma dessas e vá exeprimentando outras à medida que for se familiarizando com ela.

Guia Passo A Passo Da Ducha Anal

Chegamos finalmente à parte principal do nosso guia: as instruções do passo a passo de como usar uma ducha anal. Uma vez que este guia se destina aos iniciantes, vamos usar o modelo de pera com mangueira por ser a opção mais simples.

Além disso, programe-se para preparar tudo uma hora antes do sexo anal.

Numa situação ideal você poderia estar com tudo pronto algumas horas antes, além de ter a perspicácia de comer alimentos fibrosos nos dias que precedem a “festinha”. Isso te permitiria um movimento intestinal que facilitaria o processo da chuça, tornando-a mais simples e rápida.

Sem mais delongas, vamos ao começo...

Água

Se estiver usando uma ducha com pera, comece enchendo uma caneca com água. Não importa se a água é mineral ou destilada. O mais importante aqui é a temperatura da água que tem ser a TEMPERATURA AMBIENTE.

Água quente não é apenas desconfortável como também é perigosa nesse caso. O calor pode danificar a pele por fora e dentro do reto. Evite também a água gelada. Ela não machuca, mas vai ser desconfortável também.

A menos que esteja usando uma solução especial para essa finalidade, utilize água pura. Coisas como sabão ou vinagre podem não causar danos permanentes mas vão com certeza irritar o seu reto e te deixar fora de combate por alguns dias ou até semanas, tornando todo o processo inútil.

Inserindo

Depois de olhar a temperatura da água é hora de encher a duchinha. Pegue-a, aperte a pêra e mergulhe o bocal dentro da caneca. Quando soltar a pêra a água vai começar a entrar dentro dela. Depois de cheia, coloque-a numa posição adeuada para não derramar ou tampe-a com a tampinha da ducha caso exista. Deixe-a descansar por um momento.
Você vai precisar colocar lubrificante no seu anus e no bocal da ducha também.
Use lubrificante à base de água. Ele vai deixar a inserção muito mais fácil e vai evitar irritações, que podem ocorrer com outros tipos de lubrificantes.

Tire a tampa da ducha (se houver) fique de cócoras e comece lentamente e gentilmente a introduzir o bocal. É importante que você saiba que o seu reto possui terminais nervosos. Por isso, se você se cortar, além do risco de infecções que podem causar risco de vida, vai sentir muita dor. Portanto, vá com calma.

Depois de inserir

Quando o bocal estiver completamente inserido, comece a apertar a pera lentamente. Isso vai transferir a água para dentro do seu reto. Cuidado para a água não voltar para pêra, caso contrario terá que tirar o bocal, desmontar a ducha, lavar a pêra e começar todo o processo novamente.
Procure não apressar as coisas e mantenha a pressão constante. Quando esvaziar a água da Pera, retire lentamente o bocal do seu ânus, levante-se, contraia os músculos anais e tente manter a água dentro de você tanto tempo quanto conseguir.
Você deve segurar a água por no mínimo 20 segundos, mas 1 minuto é o ideal. Se você sentir muito incomodo, comece a contar até 20 esforçando-se por manter a água o máximo de tempo possível dentro de você. Dar uns pulinhos para chacoalhar a água dentro de você pode ajudar a acelerar o processo de limpeza.

Quando começar a sentir que não consegue mais segurar, sente na privada e comece a expulsar a água. Repita o processo mais algumas vezes porque não vai conseguir retirar toda a matéria fecal na primeira tentativa.

No final

Assim de cara, a experiência pode parecer desagradável. Mas não se preocupe. Isso é super normal. Você irá se acostumar depois de um tempo mas logo depois das primeiras vezes não vai ser mais desagradável. Também não é estranho se sentir vontade de evacuar maia hora depois.
No máximo, você deve fazer a Chuca duas vezes por semana. Se você começar a “duchar” todo o dia corre o risco de machucar o ânus.
Isso requer um pouco de pratica mas, depois de algumas tentativas, você se tornara um expert.

Seja O Mais Cuidadoso(a) Possivel.

Nós mostramos pra você alguns dos mais populares modelos de ducha no mercado, falamos dos prós e dos contras e explicamos como usá-las da forma apropriada. No entanto, apesar de termos mencionado uma questão várias vezes durante o artigo, talvez devamos enfatizar mais o seguinte; seu bem estar deve ficar acima de tudo.
Não esqueça de lubrificar bem por que seu ânus não produz um lubrificante natural. Lubrificar vai fazer todo processo ficar muito mais confortável e agradável. Faça a ducha no mínimo uma hora antes do intercurso para ter certeza que nada vai dar errado.

Em alguns casos, se a água não for expelida completamente após a ducha e você começar a sentir dores, você deve parar tudo e se dirigir ao pronto atendimento médico que estiver mais próximo. Apesar dessa não ser uma situação comum você deve estar ciente de cada um dos riscos, não importa o quão insignificante ele possa ser.
No fim das contas, fazer uma ducha anal é uma boa idéia quando se planeja fazer sexo anal. Quando feita com cuidado, pode valer muito a pena para você e para o seu parceiro. Por isso, se quiser apimentar as coisas na cama, procure encontrar a melhor ducha para suas necessidades específicas e faça em você uma boa e profunda limpeza.

Coisas Interessantes Para Ler Sobre: Anal

Blog Sextoy:

Tudo para o sexo anal perfeito - 15 de maio de 2018

Como fazer a chuca? - 16 de maio de 2018

Beijo grego: o que é e como fazer - 16 de maio de 2018

Plug anal: para eles e para elas - 24 de agosto de 2018

Coisas Interessantes Para Ler Sobre: Sexo E Saúde